29 de Maio: Dia Mundial da Saúde Digestiva Prevenção é o melhor caminho para evitar complicações

0
1386

Especialista alerta sobre hábitos que podem prejudicar o bom funcionamento do aparelho digestivo e causar doenças

Assim como em todas as partes do corpo, a região responsável por receber alimentos também merece atenção. Quando negligenciada, essa área pode ser responsável por sérios danos à saúde. Pensando nisso, a Organização Mundial de Gastroenterologia estabeleceu um dia especial para que diversos países pudessem discutir o tema. 29 de maio foi a data escolhida internacionalmente como o Dia Mundial da Saúde Digestiva.

O cirurgião endoscopista Bruno Sander, especialista em gastroenterologia e nutrólogo, explica que o sistema digestivo é composto por várias áreas e diversas funções. De acordo com o médico, todos esses pontos precisam agir em harmonia para que o processo de alimentação ocorra totalmente saudável. “O aparelho digestório vai desde a boca até o ânus. Quando qualquer parte dessa estrutura funciona de maneira inadequada, todo o resto é prejudicado. Por isso, estar atento a qualquer alteração e evitar complicações é fundamental em qualquer caso.

Principais doenças

Sander comenta que as principais doenças dessa região, geralmente, estão relacionadas a alguns hábitos adquiridos ao longo da vida. “A alimentação inadequada, sedentarismo, tabagismo, estresse, entre vários outros problemas, são responsáveis por muitos transtornos. Portanto, a prevenção é a melhor maneira de diminuir os índices de complicações na saúde digestiva”, garantiu.

Entre as principais queixas, Bruno cita as úlceras estomacais, azia, gastrite, pancreatite, síndrome do intestino irritável e, entre as mais graves, a doença de Crohn. “O câncer de intestino também é um problema sério, porém com menos ocorrências na população. Mas, um ponto em comum entre todas essas doenças é o fato de que, quando não tratadas, podem causar sérios danos à saúde”.

Por isso, o especialista alerta que o diagnóstico precoce é a melhor forma de curar e evitar complicações de qualquer doença. “Ao sentir qualquer sintoma, o recomendado é procurar um médico imediatamente e evitar automedicação. Irritações frequentes no estômago, dores de barriga, alterações significativas nas fezes, diarreia e, até mesmo, o mau hálito ou alterações na boca sem motivo aparente merecem atenção”, alertou o diretor clínico do hospital dia Sander Medical Center, em Belo Horizonte.

Fonte: Bruno Sander, médico cirurgião endoscopista, especialista em gastroenterologia e nutrologia. É diretor clínico do Hospital Dia Sander Medical Center, em Belo Horizonte (www.sandermedicalcenter.com.br).

Artigo anteriorTrem Tan Tan se apresenta no Centro Cultural Venda Nova nesta quinta
Próximo artigoSesc Palladium recebe a cantora portuguesa Mariza neste sábado
[ Jornalista e Editor do portal do programa Momento Celebridades | TV Band Minas (em BH/MG)]. - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here