Verão: é preciso redobrar os cuidados com a pele

0
8

Saiba como fugir dos principais erros relacionados à estação mais quente do ano

Para muita gente, o verão, que se aproxima, e o fim de ano que já bate à porta, são ótimas oportunidades para curtir as férias na praia, em clubes e outros passeios ao ar livre. O problema é que este também é um período em que os cuidados com a saúde, principalmente da pele, geralmente são negligenciados. As altas temperaturas aliadas à grande exposição solar e a produtos químicos podem prejudicar a derme e causar sérios danos. A melhor solução para isso é redobrar os cuidados com a pele, o maior órgão do corpo humano.

A dermatologista Joana Barbosa explica que grande parte da população entende que nessa época os cuidados precisam ser maiores, mas, ao mesmo tempo, alguns erros continuam sendo frequentes e merecem atenção. “O problema é que, nem sempre, as pessoas se lembram de utilizar os produtos necessários. Com a correria das férias e outros hábitos, infelizmente, a saúde da pele pode ficar em segundo plano”, esclareceu.

Doenças comuns

Alguns hábitos são tão comuns que passam despercebidos. Essa é uma das principais razões para que doenças continuem a aparecer no verão. “Doenças como micose, melasma, queimaduras de sol e outras podem ser evitadas com hábitos simples”, destaca a dermatologista.

Como evitar esses erros e cuidar corretamente da saúde da pele?

Joana separou algumas dicas para evitar as doenças comuns nesta época do ano. Confira!

Use protetor solar

Um dos erros mais comuns é a falta de protetor solar. “Geralmente, o produto é aplicado apenas nas partes mais ‘vistas’ do corpo, ou seja, braços, pernas e no rosto, mas é preciso lembrar que o protetor solar precisa cobrir toda a pele. Por isso, é necessário ficar atento a todos os locais como pescoço, as articulações, mãos e etc”.

Encontre o produto certo para a sua pele

Outro erro comum é não saber o que usar para um tipo específico de pele. “Cada pessoa é única e sua pele também. Consequentemente, o produto que algum familiar usa, nem sempre será satisfatório para você. Portanto, entenda qual o tipo da sua pele, se é oleosa ou seca, por exemplo. Existem muitos produtos no mercado para manter a saúde da pele, mas é preciso conhecer o que realmente funciona para o seu caso”.

Procure um especialista

A melhor forma de conhecer a pele, evitar doenças e entender o certo e errado é consultando um especialista. “Apenas um dermatologista conseguirá identificar as reais necessidades da derme e quais produtos utilizar. Portanto, visite esse profissional com frequência e lembre-se: sempre procure um dermato habilitado e de confiança”, recomendou a médica.

Fonte: Joana Barbosa, médica dermatologista e membra da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). É responsável pela clínica Dermax, em Belo Horizonte. (www.drajoanabarbosa.com).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here