Coronavírus: crise reforça importância de ter uma reserva financeira

0
395

Especialista explica como não se prejudicar ainda mais em momentos de recessão econômica

A pandemia da Covid-19 tem causado preocupação mundial. Além das consequências para a saúde, a doença também trará graves consequências para a nossa economia. Com a quarentena, que não tem data definida para acabar, muita gente começa a entender a importância de se manter preparado financeiramente para passar por períodos conturbados como esse. Assim, especialistas reforçam a importância de ter uma reserva emergencial.

Muitos brasileiros, principalmente profissionais autônomos e informais, têm se preocupado em como vão conseguir quitar as dívidas no período de isolamento social. O educador financeiro Sílvio Azevedo explica que é importante pensar com cautela e evitar tomar decisões por impulso.

“Infelizmente, ainda não existe a cultura de ter uma poupança para emergências no Brasil. Portanto, muita gente pode sofrer com as consequências da crise que afetará o país nos próximos meses. Porém, é preciso pensar com calma. O ideal é colocar tudo no papel e traçar um planejamento para os próximos meses. Isso é fundamental para entender exatamente o que você vai precisar e impede que você tome decisões impulsivas, que podem prejudicar ainda mais a situação. Essa atitude também evita que você caia em golpes de empréstimo ou quitação de dívidas”, explica.

Reserva emergencial

Para momentos como esse, a reserva financeira emergencial mostra-se uma alternativa importante para todos os brasileiros. “Um dos principais pontos defendidos na educação financeira é exatamente o hábito de poupar um pouco para passar por momentos de recessão econômica. A economia é instável não apenas aqui, mas no mundo inteiro. Ela pode estar em alta e, no dia seguinte, não estar tão boa mais. Por isso, precisamos estar preparados. Esse é um momento difícil, mas também importante para nos ensinar sobre esses imprevistos”, acredita.

Sílvio enfatiza a importância de se organizar. “A reserva financeira, assim como qualquer outro gasto, deve ser algo planejado. O ideal é entender o quanto você ganha, o quanto é gasto com coisas supérfluas e organizar o quanto você pode poupar a cada mês. Isso é muito importante para conseguir passar por crises e imprevistos, não só econômicos, mas também para emergências como saúde, viagem e etc., que podem acontecer em qualquer momento e com qualquer pessoa”, destaca.

Fonte: Sílvio Azevedo, administrador de empresas, com ampla experiência no setor bancário e consultoria, especialista em mercado e educação financeira. Membro do MDRT (Million Dollar Round Table). É diretor e fundador da AZV Investimentos (azvinvestimentos.com.br / Redes Sociais: @silviocazevedo)

Artigo anteriorCENSA Betim prorroga medidas de contenção do Coronavírus
Próximo artigoQuarentena com aprendizado: Elas Por Elas mantém os encontros online
[ Jornalista e Editor do portal do programa Momento Celebridades | TV Band Minas (em BH/MG)]. - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here