Higienização correta das roupas é aliado no combate ao coronavírus

0
368

Empresas oferecem opção de delivery para evitar contato durante isolamento social

Em meio a pandemia mundial do novo coronavírus, a principal forma de prevenção é higienizar corretamente as mãos, o ambiente e todos os pertences da população. Neste cenário, as roupas precisam de atenção especial – já que se caracterizam como um dos meios de propagação da doença.

Assim, muitas pessoas começaram a se preocupar com a forma mais eficaz de lavar as roupas. O problema é que lavá-las de maneira comum, em casa, pode não ser o mais adequado dependendo do ambiente em que se encontra. Locais que não recebem luz solar ou que permanecem úmidos por muito tempo, por exemplo, podem impedir a limpeza correta, já que microrganismos se proliferam facilmente nesses espaços.

Lavanderia como opção

Para ajudar quem está passando pelo isolamento social e encontra dificuldade em higienizar tudo de maneira adequada, as lavanderias têm se tornado de grande valia. Edmar do Carmo, empresário e diretor da Restaura Jeans, lavanderia localizada na região centro-sul de Belo Horizonte, explica que a higienização profissional faz toda a diferença.

“Utilizamos equipamentos e produtos profissionais e testados cientificamente. Dessa forma, toda a sujeira é eliminada e o tecido fica livre de qualquer tipo de microrganismo. Após a lavagem, a secagem também é feita por uma máquina que elimina todas as bactérias e fungos que se proliferam na umidade”, diz. Edmar também conta que tudo é feito de maneira automatizada, impedindo o contato com qualquer objeto contaminado.

Delivery

Em tempos de isolamento social, Edmar destaca a importância de investir em medidas para auxiliar na prevenção contra o novo coronavírus. “Nesse período, possibilitamos que os clientes possam ter suas roupas e objetos pessoais higienizados sem precisar sair de casa. Entregamos tudo lacrado e higienizado com segurança por meio do delivery”, afirma.

Sobre a Restaura Jeans

A Restaura Jeans conta com serviços de restauração de roupas em geral. A marca, além de ser uma rede de franquias de sucesso, também tem como missão aumentar o consumo consciente e reserva grandes surpresas aos clientes, além de um serviço de qualidade pensando sempre no custo-benefício e sustentabilidade. Para a Restaura Jeans, reduzir o impacto ambiental é dar vida nova, diariamente, ao planeta Terra. A reutilização de peças faz com que sejam economizados recursos naturais como água e energia elétrica.

Fonte: Edmar do Carmo, empresário e diretor da unidade em Belo Horizonte (https://www.restaurajeans.com.br/).

Artigo anteriorIsolamento social: pianista faz lives para minimizar estresse da população
Próximo artigoCentral dos Eventos anuncia plataforma para transmissões ao vivo
[ Jornalista e Editor do portal do programa Momento Celebridades | TV Band Minas (em BH/MG)]. - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here