Trate suas varizes de forma minimamente invasiva

0
82

Saiba mais sobre a microcirurgia de varizes e quando ela é indicada!

Por mais que elas sejam inofensivas em um primeiro momento, as microvarizes podem causar muito mais do que apenas desconforto estético. O inchaço nas pernas e as dores recorrentes são quadros que podem desenvolver graves complicações se o problema não for tratado. Mas existe uma forma de evitar que isso aconteça, e que as varizes deixem de ser um problema em sua vida. A microcirurgia de varizes é o procedimento mais indicado para tratar varizes de pequeno porte e, claro, garantir mais saúde e qualidade de vida ao paciente.

Segundo o cirurgião vascular e angiologista Guilherme Jonas, em muitos casos, elas são assintomáticas, isto é, não atrapalham na vida de quem sofre com o problema. Mas podem chegar a comprometer a circulação sanguínea, o que torna o tratamento mais que necessário. “A microcirurgia é muito eficaz para aquelas que estão nos estágios iniciais”.

Ele comenta que o procedimento é considerado minimamente invasivo e bastante simples. “São realizadas microincisões no trajeto da veia varicosa por meio de um gancho cirúrgico, que faz essa retirada. A microcirurgia é realizada com anestesia local e dispensa a aplicação de pontos na região operada. O procedimento possui curta duração, de em média 30 minutos”, explicou o médico.

O especialista ressalta que o procedimento mais recomendado vai depender do caso do paciente, e apenas um médico especializado saberá orientá-lo. “A microcirurgia no geral é indicada para pacientes que possuem veias varicosas de pequeno calibre, localizadas nas camadas superficiais da pele. A operação tem a finalidade de resolver as questões estéticas e de saúde”.

Quanto ao pós-operatório, Guilherme Jonas garante ser um momento bastante tranquilo, não sendo necessário muitos cuidados especiais. O paciente pode voltar a sua rotina a partir de um dia de procedimento”.

Mas, afinal, as varizes podem voltar?

De acordo com o cirurgião vascular, infelizmente sim, já que os fatores genéticos que causam as varizes ainda não têm cura, e como o tratamento não é capaz de combater a causa do problema, as varizes podem voltar a aparecer. “Entretanto, a adoção de hábitos de vida saudável e manutenções preventivas, para tratar a doença bem no início e evitar a evolução ou as complicações é primordial após o procedimento, isso evita bastante a reincidência do problema e mantém o resultado do tratamento mais duradouro, inclusive no longo prazo”, concluiu o angiologista.

Fonte: Guilherme Jonas, médico angiologista e cirurgião vascular, especialista em cirurgia vascular pela SBACV (Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular). CRMMG 44020, RQE 28561, 37143. Diretor técnico da clínica Angiomais em Belo Horizonte MG.

Artigo anteriorCartão de crédito: devo ou não usar?
Próximo artigoInstituição busca pessoas com deficiência para formar banco de talentos
[ Jornalista e Editor do portal do programa Momento Celebridades | TV Band Minas (em BH/MG)]. Diretor do 'Grupo Conteúdo' - Agência de Notícias | Publicidade & Marketing Digital. _____________________________________________________________________________________________Gestor Adv. - "| FJ - Escritório de Assistência Jurídica - EAJ |". Membro: Diretoria da "Associação dos Advogados Empreendedores - (AAE-OAB/SP)" - Acesse: https://aae.org.br ______________________________________________________________________________________________ Jornalista (FESBH), Publicitário (Instituto P.E.D), Relações Públicas (UIB), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo (F.Polis das Artes), Economista (USIP), Bel. em Direito (UNIESP-BH/FACSAL) e Ms. em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (UEMC). Apaixonado por música, colabora com rádios e portais falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. "Minha paixão pela música me faz quase um pesquisador. Um amor que vem da adolescência" (Felipe de Jesus). ______________________________________________________________________________________________ [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here