Pesquisa da Anvisa mostra que formol ainda é utilizado de maneira irregular no país

0
380

Cerca de 35% dos fiscais encontraram irregularidades nos produtos avaliados; produto pode causar queda de cabelo e até câncer

A vontade de se sentir mais bonita e aumentar a autoestima é um sentimento natural. Porém, na ânsia de atingir determinados padrões de beleza, muitas pessoas acabam colocando a própria saúde em risco. Pesquisa realizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 21 estados do Brasil e Distrito Federal aponta que o formol ainda é utilizado irregularmente em procedimentos estéticos nos salões de beleza. Cerca de 35% dos fiscais encontraram irregularidades nos produtos avaliados. A substância é proibida no país desde 2009 por oferecer diversos riscos à saúde.

O uso de formol é permitido somente em seu processo de fabricação com uma concentração de até 0,2% em cosméticos. A substância não pode ser adicionada em outro produto, pois pode causar intoxicação aguda e até mesmo câncer. “O contato do formol com o couro cabeludo causa rachaduras, dermatites, desidratação, além de deixar a pele áspera” afirmou Lívia Lavagnoli, dermatologista e especialista em tricologia.

Formol e a queda de cabelo

Segundo a especialista, o uso de formol é um dos principais motivos da queda capilar. “Dependendo da quantidade de formol utilizado, os danos podem ser irreversíveis. Além dos riscos para o couro cabeludo, a inalação do produto pode afetar o trato respiratório e causar irritação nos olhos. Por isso, é fundamental estar atento ao escolher produtos que devem ser devidamente registrados pela Anvisa”, alerta.

Recuperando os fios

Os danos para quem utilizou formol por muito tempo são visíveis. “O excesso de formol deixa os fios mais secos e enfraquecidos. A alternativa é ter acompanhamento de um especialista que irá orientar o melhor tratamento para recuperação do cabelo”, complementou Lívia.

Fonte: Lívia Lavagnoli, médica dermatologista, membra da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e especialista em tricologia médica.

Artigo anteriorComunicado: Show ‘Belo Dia’ é adiado
Próximo artigoConexão com a natureza faz bem à saúde!
[ Jornalista e Editor do portal do programa Momento Celebridades | TV Band Minas (em BH/MG)]. - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here